quarta-feira, 30 de março de 2016

A perversão do sentido da palavra, ALMA.


Estamos diante de várias filosofias não aquelas somente ensinadas pelos grandes filósofos, pois muitos deles mesmo em alguns erros no sentido de alma, mesmo assim produziam pensamentos profundos. Mas aqueles que estão querendo transformar os verdadeiros ensinos no sentido de introduzir uma nova era, uma nova doutrina.

Temos respeito por todos os pensamentos, sejam esses, relacionados com os técnicos, sejam pelos científicos, e muito mais pelos os metafísicos. Contudo, temos também que entendermos não somente a etimologia da palavra quanto ao assunto alma – NEFESH, ser importante a fim de compreendermos muito mais.
Veja isso como base para melhor compreensão: Gênesis 1:20  E disse Deus: Produzam as águas abundantemente répteis de alma vivente; e voem as aves sobre a face da expansão dos céus.

Então aqui em Gênesis 1:20 disse que as águas abundem de uma palavra que foi dita pela primeira vez nas Escrituras que é a palavra (חַיָּה נֶפֶשׁ) nefesh chayah. Esta é a primeira menção desta palavra e cada vez que temos uma menção que é importante, tem que ser definida muito bem para que fique bem claro, porque o que é  (חַיָּה נֶפֶשׁ) nefesh chayah? Que se traduz aqui em Gênesis 1:20 como seres viventes? Em seu conceito mais primitivo o que significa nefesh? Alguém pode dizer que é a alma, porém o que significa a palavra alma? Porque atualmente se vê uma grande quantidade de estudos sobre a alma do ser humano. Porque esta alma (nefesh) aqui na criação dos animais é a mesma Nefesh chayah que se utiliza para o ser humano.

Em Gênesis 1:20 está falando de seres aquáticos, de peixes e de aves e se fala de nefesh. Então a nefesh não tem haver conexão com o corpo em si, senão que é outra coisa totalmente diferente, e a raiz da palavra nefesh é a palavra (נפשׁ) nafash que literalmente significa respirar ou ter refrigério. Isto significa Nafash em seu sentido mais primitivo. Então aqui nos fala como algo que não é físico, porque se houvesse sido esta palavra Nefesh quando foi traduzida a Septuaginta, e foi a primeira vez que o texto hebreu do Antigo Testamento foi traduzido a outro idioma, e muitos rabinos não estavam de acordo que a Toráh fosse traduzida, e de acordo a historia foi um dia de luto em Yisrael quando se traduziu a Tanach a outro idioma, porque para muitos judeus este dia começou o deterioro do entendimento da Toráh e por quê? Porque a na hora de traduzir-se um idioma já se perde muitíssimo da sua essência, porque pode ser que em outro idioma não exista as equivalências exatas das palavras, e então já se muda um pouco o sentido.

Agora imagine a nós que usamos as traduções de traduções, então já estamos em problemas. Então temos que ir o mais possível ao original. Então a palavra (נפשׁ) Nafash na Septuaginta que de alguma maneira é importante e por quê? Porque se chama Septuaginta porque se juntaram seis eruditos escribas que conheciam perfeitamente o hebraico e perfeitamente o grego, e foram seis de cada tribo de Israel. Ou seja, foram 72 escribas eruditos em hebraico e em grego, e traduziram do hebraico ao grego.

E a historia também conta que incluso eles se separaram para que cada um fizesse sua tradução e depois se juntaram para comparar as traduções e foi exata, ou seja, que foi uma coisa milagrosa a maneira que se fez. Então a Septuaginta é muito  importante, pois na hora de entender certos conceitos. E esta palavra (נפשׁ) Nefesh em hebraico quando se traduziu a Septuaginta foi traduzida como a palavra psique (ψυχή) (e daí vem a palavra psicologia), e se traduziu como mente. Então o que é que faz com que este corpo funcione? Ou seja, se eu decido caminhar quem da à ordem ao meu pé que dê um passo? O cérebro, a mente. Então basicamente tudo está na mente, no cérebro, porque medicamente em qual momento ocorre a morte do corpo? Quando o cérebro deixa de funcionar e ai o corpo já não tem vida.

Então temos que entender נֶפֶשׁ nefesh como o que faz com que o corpo funcione, e isto é comum tanto a seres humanos como a animais, porque o que é que faz com que um peixe se mova, ou que um pássaro voe, que tenha instinto e etc.? Não é o corpo em si senão é algo que está dentro do corpo, e é isto que dirige o corpo. Então esta Nefesh Chayah é o que o Eterno cria neste momento que é tanto comum aos animais como ao homem, e a diferença quando o homem foi criado se introduz outra palavra que é a palavra (נִשְׁמַת) Neshemá. Então aqui Deus cria a Nefesh Chayah que é a parte de respiração interna, esta parte que do alento ao corpo, que oxigena o corpo e faz com que o corpo se mova.

E no Paleo Hebraico a palavra נֶפֶשׁ nefeshos símbolos que se utilizam é a letra Nun (נ)  que é uma espécie de espermatozoideDescrição: http://4.bp.blogspot.com/-M3DZ39uhxEU/Uss0x3nL5PI/AAAAAAAABBQ/4SR-KHNgzrQ/s1600/heb_early_14.jpg A letra Pêi (פ)  é uma bocaDescrição: http://3.bp.blogspot.com/-GqzjqZnUJkM/Uss1SkVi-8I/AAAAAAAABBY/BiJWs8qDPHc/s1600/heb_early_17.jpge incluso em hebraico a palavra boca é pê. E a ultima letra é a letra Shin (שׁ)  que é uma espécie de uns dentinhos de frente como algo que se mostraDescrição: http://1.bp.blogspot.com/-I2Yk-bfguT0/Uss1pXfT2MI/AAAAAAAABBg/o2b2tZU-eNw/s1600/heb_early_21.jpg Então No conceito mais primitivo a palavra נֶפֶשׁ Nefesh tem haver com a semente que do alento, com a semente mais primitiva que faz com que o corpo se mova. E esta Nefesh se menciona aqui no mundo animal, quer dizer que no mundo vegetal não se menciona porque os vegetais não tem nefesh, não tem esta mente, esta maneira de viver e de onde o mundo vegetal obtém sua energia? Principalmente do sol e logo transmite aos animais e logo se inicia toda cadeia alimentar.

Então o mundo animal e o mundo vegetal já têm dois conceitos diferentes. Então a palavra Nefesh se traduz como Psique no grego e segundo o site Wikipédia disse o seguinte:

A psique do grego ψυχή, psyché, «alma» é um conceito procedente do cosmo visão da antiguidade Grécia, e que designava a força vital de um individuo, unida a seu corpo em vida e desligada deste trás sua morte. O término se mantém em varias escolas de psicologia, perdendo em geral seu valor metafísico: se converte assim na designação de todos os processos e fenômenos que fazem a mente humana como uma unidade. (Wikipédia)

Se bem que possa haver algum erro no sentido de querer que muitos acreditem numa transmissão mesmo que seja escrita ao termo ALMA, o resultado desses escritos ao que me parece, serve como princípio para entendermos bem os valores necessários pra compreendermos de maneira mais adequada.

 Alma é uma respiração, isto é, um fôlego para a existência.

Não se pode afirmar de maneira contundente Alma como raciocínio, somente de maneira etimológica uma vez que somente o sentido da palavra é que importa. Entendeu?


A escrita é determinada pela forma de como entendemos ser ela, e não conforme nossa imaginação ser. Até mais!                                                   
Um blog abaixo da média, mas desafiando a lógica.
http://igrejaremanescente-igrejaremanescente.blogspot.com.br/* Serão permitida reprodução total quanto parcial, onde poder ser incluídos textos, imagens e desenhos, para qualquer meio, para sistema gráficos, fotográficos, etc., sendo que, sua cópia não seja modificada nem tão pouca alterada sua forma de interpretação, dando fonte e autor do mesmo. P.Galhardo.