sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Os Efeitos da Renovação nos Homens



Hoje em dia o que mais percebemos são os espíritos dos homens atormentados pela façanha do que acontece no mundo atual.

Façanha esta que nada mais é que revoluções. Porém, foram esses espíritos que 
transtornados por problemas existentes no mundo que transformaram o mesmo.

Contudo, há aqueles que provocam os tormentos e valorizam esses, a fim de utiliza-los. 

Somente alguns homens envolvidos nas nações podem exercer forças vindas muitas vezes de natureza externas para usar a favor da perversão quanto ataque contra a existência do próprio homem.

Muitos desses homens tentam separar-se e separar aqueles que tentam chegar-se próximo de Deus; torna-se tão neurótico quanto loucos. É uma crise profunda investindo-se nas suas causas e nas suas coisas, porque ver-se obrigado por não acreditar em nada, achar-se numa vida melhor neste mundo, pois o além não existe para eles.

É como usar o talco para aliviar a coceira. A doença aparece e tenta livrar-se através das ações revolucionárias, porque não ver saída há não ser que esta esteja no efeito do remédio.

Entretanto não conseguem perceber que o remédio já está cheio de bactérias, e somente um tônico vindo de outro lugar, aliviaria sua dor.

É uma dor no amago de querer uma melhora, mas não aquela aparente, mas aquela de restauração.

Conquanto não entende a essência da verdadeira cura, porque se recusa acreditar na força divina.

Os homens de hoje não suportam nem pensar que seus problemas atuais e constantes estar na catástrofe do que ele mesmo proporcionou, pensam que podem resolver através de forças anárquicas quanto ecumênicas no sentido revolucionaria instintivamente, alcançar a vitória no aspecto de trazer alívio.

Suas mentes são obscurecidas ao extremo por focar suas forças aonde não deveriam ver. Sua critica ao que se refere no que está no acontecimento na sociedade quanto na moralidade pervertida, seria resolvida se revoluções violentas trariam uma mudança completa em tudo. Mas isso é mero engano, por se tratar que os valores sociais moralmente corretos são dignamente apresentado em sinal da conduta que a fé em Deus é o melhor caminho, por elevação de leis apresentada no comportamento de um verdadeiro e honesto homem que deva ser.

O que o homem precisa é mais redenção do que revolução, e essas, não iriam ficar longe, pois não atendem e nem entendem direito onde buscar os melhores valores fundamentais, para si ter uma vida digna quanto perfeita.

O homem não consegue redimir-se pelas suas próprias forças e racionalizações; ele precisa de força superior para chegar-se ao aperfeiçoamento e este constantemente diário.

E isso só é conseguido quando seu rumo não está em focar nas causas e coisas do mundo, mas nas causas e coisas do céu.

Se olhares para o céu, o olhar tornar-se para o alto, se olhares para terra, teu olhar se torna para baixo - É o obvio!

Portanto, as chuvas caem de cima e rega tudo que atinge, ninguém consegue se molhar quando a água evapora-se da terra para céu.

Porém, o contrário é verdadeiro. Assim é o Espírito de Deus, uma vez que veio do céu, cai quando lhe é permitido molha-los.

Há uma realidade vinda que veio do próprio Deus para nós, aquela em que quando o homem deixa-se sentir, quando busca mesmo não merecido este favorecimento.

Pois bem, essa revolução não mais é preciso ser feito força por força, porque ai o homem já está transformado, quanto renovado, e já age de maneira certa como também coerente e intrinsecamente santificado.

Embora estejamos mais interessados como influenciados em apontar os erros existentes e os efeitos deles na sociedade, a alma renovada transformada pelo poder celestial, não mais, se interessa por corporações revolucionárias para resolver os problemas coletivos; haja vista, não existem mais problemas, porque todos chegaram à compreensão e aceitaram a mudança no caráter pessoal.

Mesmo parecendo ser uma utopia, isso seria vantajoso se fosse uma realidade aceita por todos, contudo, não querem admitir que seja essas coisas e causas que lhes faltam para uma mudança comportamental que os levaria para uma sociedade mais perfeita e completada.

Não é uma questão de pensar num ser que viveu extrinsecamente longe de nós, não, é Ele mesmo está presente agora, pois havia dito: “Eis que estou convosco até a consumação dos séculos.” (Mateus 28.20). Se estive hoje do nosso lado, seria somente um exemplo para nós? Se isso for verdade, então, por que não seguimos o exemplo de homens bons que vivem atualmente no nosso meio? Porque sabemos que eles existem, e mesmo assim não queremos segui-los, pois, nos fazemos orgulhosos ou fere nosso egocentrismo.

Ah, mas é só acontecer algo bom ou mal que nos lembramos de que Deus existe, porque nosso sentimentalismo nos leva a acreditar que são forças divinas que fizeram, por exemplo, que ganhássemos na loteria, ou somente Deus pode resolver achar o assassino escondido que matou um de nossos filhos.

É Deus ali, é Deus aqui, quando si enriquece, quando se faz um gol, quando não se afoga nas águas da praia, ai Deus existe e merece seu elogio, porém, no meio da sociedade inflacionária, corrupta, pervertida e com valores morais sexuais além dos animais - esse Deus não existe.

Juntemos forças e vamos à guerra, porque se não fizermos algo, o mundo não muda, e esquecem que a mudança em primeiro lugar faz-se em nós e não nos outros.

Minha força e minha liberdade eu exijo e quero por completa, contudo, não fale de Deus, porque Ele só existe quando eu premiado ou em grandes apuros no meio de tubarões ou a deriva nos mares da vida.

Eu até acredito que Jesus Cristo viveu e morreu e que era um homem bom, mas isso foi há 2.000 anos, hoje a realidade é que, se eu não for para guerra revolucionaria não alcançarei minhas vantagens e não terei liberdade que mereço, pois não quero enxergar que meus valores morais, são eles, que deveriam ser restaurados ao nível de santidade.

Por certo e acredito que Ele é a cabeça da igreja, contudo, não da minha, pois tenho liberdade de expressão e livre escolha para ser o que bem quiser ser.

Ora, mas, se queres ser o que quiser, por que o mundo não pode ser do jeito que é, visto ele também utiliza dos mesmos artifícios que você usa também, com livre escolha, livre arbítrio e expressão?

Assim sendo, sua escolha entre essas observações a luz do racionalismo, já caem por terra seus desejos e suas vontades.

Portanto, a afirmação de que sobre sua própria influência racional levada ao extremo ser livre no mundo para fazer o que bem que me aprouve fazer, já não é uma realidade sensata, mas falsa.

Jesus disse: “Permanecei em mim, e eu permanecerei em vós.” (João 14.18).  A chave aqui é, está ligada em Jesus Cristo para obter o fruto da prudência, quanto, sensatez.

Todo corpo toma parte na divindade, pois, ela em si faz presente em nós: “não sabeis que vossos membros são templo do Espírito Santo, que habita em vós, que vos foi dado por Deus, e que não pertenceis a vós mesmos?” (I Coríntios 6.19).

Portanto, para está totalmente renovado com uma mudança por completa, deva-se está ligada sua natureza a natureza de Cristo.

E essa ligação revolucionaria no mundo, sem que seja preciso fazer qualquer tipo de reivindicação, visto o homem já estaria percebendo que seu próximo deveria ser ajudado.

Conclusão

Quando houver uma ligação completa do homem com o divino, os amigos irmãos, não precisariam de mais nada que os outros e aqueles abastados de riquezas os ajudariam.

Alegar que está transformado ou renovado pelo espírito santo ou por pelo próprio Deus, e ainda, ver irmãos ou amigos sofrendo, precisando de conforto, comida, lar, emprego, escola para os filhos e dinheiro, e não ajuda-los como na igreja primitiva de Atos 2; é está realmente totalmente equivocado quanto aos planos de Deus em relação ao “amor ao próximo como a si mesmo.” Renovado por Deus ou pelas suas próprias decisões?

Meu caro amigo, entenda de uma vez por todas: que o verdadeiro cristianismo ou mudança humana só estará ligado com o divino, quando as necessidades dos outros são as nossas necessidades. Que Deus nos ilumine! Amém! [G].






http://igrejaremanescente-igrejaremanescente.blogspot.com.br/ * Serão permitida reprodução total quanto parcial, onde poder ser incluídos textos, imagens e desenhos, para qualquer meio, para sistema gráficos, fotográficos, etc., sendo que, sua cópia não seja modificada nem tão pouca alterada sua forma de interpretação, dando fonte e autor do mesmo. P.Galhardo.