quarta-feira, 21 de maio de 2014

Eu Decidi: "Não Quero Ser Mais Gay!"

Quando queremos assumimos qualquer que desejamos, algum tempo atrás ninguém sabia mexer com a internet, eu mesmo não sabia nem para que rumo seguia este instrumento hoje de trabalho, de comunicação, de informação etc.
Muitas coisas acontecem na nossa vida, nascemos, crescemos, nos adaptamos, nos questionamos, aceitamos ser profissionais; acreditamos nos médicos que nos tratam, cremos nos engenheiros que constroem os prédios onde podemos morar, contratamos advogados para nos defender de causas, almejamos que os políticos nos represente bem, sentimo-nos felizes quando nossa polícia nos protege e por ai vai.
Tudo ou quase tudo, passamos pelo processo de aceitação, uma vez que para si viver, precisamos crer nos outros. Assim tbm acontece na nossa própria vida. Achamos que não podemos admitir tal coisa, ou passamos há não querer mudar, mas a vida nos ensina que podemos alcançar e reavaliar conceitos e até aceitarmos mudança e nos fazermos outras pessoas.
Veja que ninguém nasce sabendo falar, nem tampouco andar, contudo, aprende com o tempo. Assim tbm no comer aprendemos porque necessitamos continuar existindo, mesmo se faz com a comida que iremos comer. Estamos experimentando para ver se gostamos ou não. Ninguém nasce sabendo que a pimenta arde e que o mel é doce.
Assim é a vida vamos por caminhos muitas vezes errados, e achamos que estamos certos, não é porque você gostou de certo costumes que esses sejam os melhores para você.
O diabético sabe que doce é bom, entretanto, não come por saber que irá lhe fazer mal. Uma coisa é saber e outra é fazer o certo.
Eu sei que no mundo o homem é do sexo masculino e a mulher é do sexo feminino, então, eu deveria perguntar: " Está certo me relacionar com outro homem, sendo que, só existe dois seres criados, macho e fêmea?".
Quando você perceber que o gostar nem sempre é a melhor coisa para você, não mais irá dizer: "vou ficar desse mesmo jeito".
http://igrejaremanescente-igrejaremanescente.blogspot.com.br/ * Serão permitida reprodução total quanto parcial, onde poder ser incluídos textos, imagens e desenhos, para qualquer meio, para sistema gráficos, fotográficos, etc., sendo que, sua cópia não seja modificada nem tão pouca alterada sua forma de interpretação, dando fonte e autor do mesmo. P.Galhardo.