quinta-feira, 4 de junho de 2015

O Fim dos Remanescentes




O homem é capacitado de algum tipo de sabedoria, mesmo que esse não tenha estudado, em fim, tem algo que inclui nessa definição.

Condições diárias devocionais, em vários aspectos de fonte de vida o levam para obter algum tipo de virtude.

Nas suas buscas de benefícios, sejam essas em todos os cantos, lançarem-se em prelados de luz no longo deste percurso. Apenas alguns não veem, mas mesmo assim estão cheios desses desígnios mesmo sem se darem conta disso.

Todos os desejos já estão nos corações e nas mentes, mesmo que não se apercebam dessa trajetória incutida neles.

Quando entendemos que mesmo existindo outras fontes que pode supostamente trazer-lhes mais conhecimento, o valor nas palavras bíblicas são maiores: “Lâmpada para o meus pés é a tua palavra e luz para os meus caminhos”. Salmo 119.105.

Aqueles que estão interligados nessa qualidade de buscar nessas escrituras estão em melhores condições, pois alcançam valores maiores.

Se na luz tende ter vida, porque sem ela não há, já às trevas se dissiparam.  Pode na luz obter algum tipo de sombra? Eu nunca vi!

“Doce é a luz e agradável aos olhos ver o sol”. Eclesiastes 11.7. O homem cheio de luz ao referido conhecimento verdadeiro, já se conduz no manancial do saber.

A luz pode ser transitória, mas nunca apagar-se de vez; pois sempre haverá, seja literalmente, seja transitoriamente. E quanto no campo do conhecimento, pode permanecer por uma vida inteira.

Por isso, é necessário aprender com quanto mais exata, fiel e correta, afim do homem ter valores maiores.

E onde buscar se não há quem ensine? Ora, pode-se dizer, nascemos com ela. Bem não é tanto assim! Diante de tantas novas ideias, tantos novos supostos valores, poderíamos não ter desses, sadios.

Ninguém pode alegar nascer sabendo falar! Aprendemos com certo tempo. Então no campo do saber exigimos mesmo que isso pareça duro, a melhor maneira para obter de maneira correta.

Passados anos estes homens não alcançaram humildade suficiente para aprenderem de forma adequada que somada, trouxe erros aos outros.

Devido isso, precisamos e necessitamos voltarmos ao antigo, quando esse nos mostra que acima de tudo estavam certos.

É assim que entra os pais, mas não somente eles, pois alguns já estão corrompidos pela irmandade que se alastraram nas suas cabeças certos princípios fraudulentos.

Vem mais os homens restantes, ou seja, os que sobraram no findar das sujeiras existentes, como de valores, como conservar influências perfeitas.

Talvez não tão bem qualitativa, mas com esse objetivo. Nessa dimensão que envolve a sociedade, a fé, a virtude, conhecimento, domínio próprio, amor e perseverança, são essenciais para que a humanidade permaneça correta.

Veja que Jesus nos ensinou: “Basta ao discípulo ser como o seu mestre...” Mateus 10.25. Percebeu? Se tivermos pessoas que procuram agir corretamente, então basta que os sigamos, e estaremos no caminho certo.

Contudo, parece que não estamos diante desses fatos já existentes. Diante disso, é que entra os remanescentes, ou seja, aqueles que permanecem fiéis aos propósitos que aprenderam e continuaram seguindo.

Valores estes que mesmo num mundo que avança em passos largos, ainda existem pessoas que não se submeterão aos erros, ou corrupções que nos cercam.

“Naquele dia, haverá uma fonte aberta ou jorrando água, e ali os descendentes de Davi e os outros moradores de Jerusalém poderão se lavar de todos os pecados e de todas as impurezas”. Zacarias 13.1. 

Seria uma alusão futurística do batismo? Pode ser que sim! Veja que mesmo à profecia sendo às vezes cumpridas no tempo do profeta quando predisse, essa pode levar para um tempo indefinido.

Faz-se então que Deus entre na mente do homem como uma provisão de comida quando guardamos para sua falta, puder procurar e achar para comer.

Quando nossa mente é envolvida pela santa escritura, como uma luz que guia em meio às trevas, nossa consciência é transformada em sabedoria.

Nossa necessidade quando estamos com fome e sede é nos alimentar da comida e da água, mas quanto as nossas vontades no tocante ao respeito aos valores corretos da vida?

O exemplo de Jesus quando andava e enchia o povo com sua misericórdia e sua sabedoria envolvia a todos com suas palavras e seus feitos.

Quando alegou para samaritana que lhe iria encher de águas que iriam jorrar para vida toda, não estava ensinando coisas estranhas pervertidas, porém com saber viver bem diante da situação que vivia. 

Uma prova disso é quando diz para ela: “Cinco maridos do tivestes e agora o que tu tens não é teu.” Ele estava condenando de maneira indireta sua promiscuidade, mas com amor.

Percebeu que ele estava levando-a para o correto dos remanescentes (fieis as causas corretas)?

Quando nós nos alimentamos do que nos causa o bem, sejam as frutas, sejam os cereais etc., temos uma vida maravilhosa na saúde e bem estar. Contudo quando comemos o que não presta será óbvio nossa aniquilação.

Assim faz-se no campo da intelectualidade tanto social com espiritual, se entender que precisamos buscar nas fontes antigas, ou seja, naquelas que nos trazem valores dignos de justiça e moralidade - as escrituras sagradas aprenderão de perto com viver do jeito exemplar.

Mesmo que tenhamos quedas, porque nos caminhos existem pedras e não temos com arrancá-las rápidos, assim mesmo prosseguimos gerando para nós um gozo de estarmos fazendo a coisa certa.

Ninguém viaja no mar sem ter como guia uma bussola para orientar na direção certa.

Se o navio não seguir seu rumo em direção aonde quer chegar sem usar os meios de navegações adequadas, não chegará ao porto certo.

Conclusão

Prezado amigo, já é o tempo de sermos verdadeiros remanescentes; de sermos fieis as causas corretas; não deixando nada, simplesmente nada alavancar nossa mente em escuridão, mas em luz.

Uma luz que somente para alcançar teremos que ir em direção à fonte, e qual é essa? A Bíblia Sagrada.

Nela e não somente nela, mas na oração que encontraremos a verdadeira luz e a fonte d’água viva que é Jesus Cristo. 

Que todos possam estar dispostos em receber o conhecimento das verdadeiras virtudes que o Espírito Santo concede aqueles que os buscam e acham. Amém! [G].



 

http://igrejaremanescente-igrejaremanescente.blogspot.com.br/* Serão permitida reprodução total quanto parcial, onde poder ser incluídos textos, imagens e desenhos, para qualquer meio, para sistema gráficos, fotográficos, etc., sendo que, sua cópia não seja modificada nem tão pouca alterada sua forma de interpretação, dando fonte e autor do mesmo. P.Galhardo.