segunda-feira, 5 de agosto de 2013

[PC Siqueira] - "Satanista" - Anticristo, Protestos e Caipirinha - Entrevista


PC Siqueira com sua forma de pensar, mostra-nos sua capacidade anti-intelectual que muito me admira ter seus seguidores.  Para mim, somente aqueles que não estudam o surgimento da humanidade, da criação, das causas da natureza, da evolução no sentido mais amplo, e do transcendental, poderia de dizer às coisas que ele diz. Não vejo relevância nenhuma nesse cidadão! Embora tendo ele o direito de expor suas ideias, que para nós leva ao absurdo intelectual, não poderia ficar a mercê de um rapaz que seu perfil já nos diz tudo do mais complexo que existe (risos).  Só para tentar colocar seus argumentos em xeque, pergunto: acreditas que o homem foi à lua? Se sim, viste? Foste lá? Pois bem, se acreditas que o homem foi à lua e não tiveste lá, por que não acreditar num Deus que não viste, não ouviste, mas sua presença é notada nas coisas percebidas? Realmente existem muitas pessoas que acreditam em coisas que nunca viram, nunca tocaram, nunca perceberam e nunca fizeram tal avaliação e ficam negando e afirmando ao bel prazer, sem nunca ter estudado, sem nunca ter pesquisado sobre o assunto. Todos sabem e muito admitido que para ser um doutor, lhe é preciso ter estudado muito. Fico perplexo e até rejeito aqueles que uma suposta-intelectualidade, nega ou rejeita o desconhecido. Não é porque uma coisa, tal como religião no passado e até mesmo no presente tenha suas falhas, seus pecados e seus defeitos, que não seja verdade. Não, é que no afago de  achar-se um formador de opinião, achasse no direito de expor seus comentários para aniquilar de vez o que muitos admitem como real.  Porém, muitos não se apercebem disso, e vão de vento em polpa. Imagina, se tudo que não compreendêssemos não fosse real o que seria da humanidade? Não é porque vc não admite, não aceite, não comprove e não investigue, que não existe. A existência pode está além da nossa comprovação de ser ou não real. Entendeu? O mais obvio, não é negar e muito menos dizer, não quero aceitar e não quero concordar! O mais certo é dizer: vou investigar, vou procurar saber, vou ler, vou perceber nas coisas que me cercam, se é ou não verdadeiro a existência de um Deus. Quando tu fizeres tal coisa, ai sim poderá negá-lo ou poderá admiti-lo. O que não é feito, não é admitido e o que não é admitido é negado? Pense! [G].
Veja o vídeo:


Fonte: Youtube