sexta-feira, 24 de julho de 2015

Casa de Oração



Dizendo-lhes: Está escrito: A minha casa é casa de oração; mas vós fizestes dela covil de salteadores. Lucas 19:46
 

  O Post: Se o cliente não permanecer na casa (Igreja), ela se dissipa.


Jesus pregou na casa (templo), pois queria fazer os homens compreenderem que não se tratava de dinheiro, nem posição, mas de pessoas das quais queria que eles fossem salvos.
 
Sua conduta diante dos homens era de transformar, ou seja, muda-los. Porém, eles não queriam, pois estavam tentados ao que era de bom ao que se refere o melhor pra si. Uns queriam, status, outros, estarem na política e os mais, entre os governantes da época.
 
Jesus não estava preocupado em relação ao mundo contemporâneo no sentido de glória, mas de levar os homens ao reino celestial, por isso, condenava-os: hipócritas egoístas, porque suas intenções não estavam neles, mas em si próprios. 
 
O valor que queriam, não era definitivamente em salvação, porém em si encontrarem bem diante do mundo terreno.
 
Jesus rejeita todo tipo suposta piedade quando esta não está diretamente ligada ao real. Falsamente fazem os homens o que parece verdadeiro.
 

http://igrejaremanescente-igrejaremanescente.blogspot.com.br/* Serão permitida reprodução total quanto parcial, onde poder ser incluídos textos, imagens e desenhos, para qualquer meio, para sistema gráficos, fotográficos, etc., sendo que, sua cópia não seja modificada nem tão pouca alterada sua forma de interpretação, dando fonte e autor do mesmo. P.Galhardo.