quinta-feira, 6 de agosto de 2015

KNOWLEDGE IS POWER - O Plano Mestre - Parte 7 - O Novo Sistema Religioso - Refutando erros bíblicos


KNOWLEDGE IS POWER - CONHECIMENTO É PODER, não importa sua condição! Certa vez conheci um homem simples, sem ter muita condição financeira e ele sabia falar mais de cinco línguas e ainda conhecia muitas coisas. Queres ser bom em algo, estude sobre o assunto. E que ninguém subestime uma pessoa, pois, ela as vezes tá se preparando por anos!

Não vemos na interpretação bíblica falha quando está infere em sua proposta um assunto que jamais homem humano pudesse propor. As mais altas autoridades sabem disso! Quando digo, altas autoridades, estou me referindo aos grande teólogos, os experts no assunto. Não estou aqui escrevendo sobre os tupiniquins, ou seja, esses que parecem que estuda. Estuda aquele que conhece do que fala, e esse, é aquele que vos escreve sobre ela.

Parece arrogância, mas não é, somente para os desafiadores que alegam ser ela, falsa. Sim, para esses, os desafios são constantes, pois no seu bojo, não deixa a desejar. Não, não deixa!

Não à veja como um erro num texto ou numa palavra, mas diante do contexto, o que ela quer dizer? Ai, é quando nós matamos a cobra pelo pau do conhecimento.

Veja o vídeo e depois retorno:




http://igrejaremanescente-igrejaremanescente.blogspot.com.br/*



Negam-lhe, mas não a conhecem profundamente, pois se assim fizessem, saberiam, que o que é SUMA em TUDO, não poderá está errada, visto uma coisa é total, se é que me entende, não pode está errada - percebeu? Como uma coisa na sua totalidade saber e não saber? Desafio qualquer um, digo qualquer um, provar o contrário!


Vede que um corpo é constituído de vários membros e órgãos, mas se um estiver com defeito, ele deixará de ser um corpo? Não, claro que não! Entendeu? Não é porque encontramos uns erros aqui e ali, à Bíblia seja errada na sua totalidade, por isso, que não basta estudar um verso, um texto isolado, como que querendo dá uma resposta para sua história. Sim, mas estudá-la dentro do seu contexto exegético e hermenêutico.


Se está escrito: "o fim da lei é Cristo!", concluímos então, que a lei foi abolida na sua totalidade - isso seria o cúmulo da desobediência.


Vede que para estudar o que aquilo quer dizer, temos que saber sua suma, pois somente assim poderemos imaginar, o que aquilo quis nos dizer. Não basta tbm supor que aquilo seja a verdade, uma vez que mesmo nós pensando ser aquilo verdadeiro, cabe ao investigador, ser ou não verdadeiro aquilo que pensou ser verdade.


Diante disso, quando estudar sobre aquele verso ou texto, referido, não se pode concluir, sem no mínimo lê-lo todo, e mais, as vezes todo um capítulo anterior e posterior, o que aquilo realmente quis dizer. Vede que quando Jesus disse: "não penseis que vim destruir a lei e os profetas..." Ele veio? Então, se veio, então sua afirmação seria falsa! Percebeu? Seria uma contradição oferecer sua graça, e destruir a lei, pois como poderia numa situação falar uma coisa e agir diferente daquilo que pronunciou. Ele disse: " mesmo quando digo ou faço, daquilo, o meu testemunho é verdadeiro." Ora, se um testemunho é verdadeiro, suas ações, atitudes e orais, são verdadeiros. Não poderia dizer uma coisa e alegar outra. Quando na frente de João Batista disse: "Para que se faça tudo que os profetas escreveram sobre ele, deveria ser batizado." Entendeu? Tudo do que havia os profetas anunciado. Ora, tudo é tudo, tudo é suma, e suma é totalidade.


Entendendo ás Escrituras Sagradas


Muitos pensam que GERAÇÃO, fosse a geração que Jesus estava referindo-se a sua geração, mas não é verdade,"Eu lhes asseguro que não passará esta GERAÇÃO até que todas essas coisas aconteçam. Mateus 24:34; pois, antes Ele diz:"Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem, e todas as nações da terra se lamentarão e verão o Filho do homem vindo nas nuvens do céu com poder e grande glória."Mateus 24:30. Ora, se ele está falando dentro do contexto na sua volta, claro que essa GERAÇÃO NÃO ERA A SUA, mas A DO FIM. Perceba quando ele diz: VERÃO O FILHO DO HOMEM VINDO NAS NUVENS DO CÉU COM PODER E GRANDE GLÓRIA" VEDE que após ter relatado isso, vem depois o texto: "Quanto ao dia e à hora ninguém sabe, nem os anjos dos céus, nem o Filho, senão somente o Pai."Mateus 24:36. Ora, como então poderia ser sua geração, se ele não sabe nem o dia e nem hora da sua vinda, somente o seu Pai. Então, o que nos falta para compreender um texto isolado? Sim, é ler todo o contexto. A GERAÇÃO É A NA FINAL DOS TEMPOS!


Quando falado dos tormentos relatados em Mateus 24, vc não irá encontrar essas coisas atormentando os discípulos de seus dias, mas essa acontecendo agora. Portanto, a GERAÇÃO, que ele estava referindo-se com eventos finais, são eventos futuros e não contemporâneos (dele).


Outra coisa importante a ser percebido dentro do contexto de GERAÇÃO, É, que ele refere-se como iguais aos dias de NOÉ, e o que aconteceu nos dias de Noé, fora os pecados?Vc já pensou que quando caiu as chuvas (temporais), veio com elas trovões, relâmpagos, surinamês etc.,? Então, vede que pra que se possa ter um fim, diante dos fatos que ele disse, deveria ter logicamente, trovões, relâmpagos, raios, enchentes etc. Percebeu? Agora pense: como poderia ser na sua GERAÇÃO, se esses eventos nunca aconteceram? Então é um erro pensar que à Bíblia está errada, quando não se analisa direito todo o contexto escrito.


Mas, vc poderá dizer: "Galhardo, os fatos só aconteceram depois q caíram as chuvas!", sim, está certo sua resposta, mas lembre-se, o enunciado de Jesus Cristo, é paralelo dos eventos antigos. Então não é porque somente acontecia pecados. Era uma alusão do passado para o futuro, porém, pode-se acrescentar mais, como furacões, tormentas de tufões e surinamês que duvido que eles conhecia o último nos seus tempos.


Conquanto uma coisa não se possa ver na Bíblia escrita, não quer dizer que não existia, mas também não se pode negar q contrário também não seja verdade.


Conclusão


A verdade bíblica está além dos fatos da época, porque o referido pelo Mestre estava muito além dos seus dias, mas para o fim dos tempos.


Então na compreensão exata nos textos bíblicos, não se pode dizer com unhas e dentes, não ser verdadeira com fim de obter que o que se diz seja verdade.


Embora um vídeo mostre muitas coisas que concordo com ele, quando se tratando de estudos bíblicos, mesmo alegando que supostos doutores, sabem o que diz, me parece que alegação não seja verdadeira a luz de estudos mais profundos com renomados teólogos.


Os ditos, contemporâneos estudiosos, não são bem estudiosos assim, uma vez que não se trata que não existem erros na Bíblia, porém, suas intenções é desqualificá-la com ser a verdade.


E uma verdade ela têm vários fatores importantes de serem percebidos:


a) São verdadeiras as afirmações quando encontradas em outros lugares no livro?


b) São pequenos erros escriturísticos que se defende, ser ela verdadeira ou não?


c) Conclusões aleatórias determina concretização onde já concluídas que são verdades seus textos escritos? 


E d) Para onde iremos sem essa verdade haja vista, seus ditames no mínimo parece levar-nos para os erros?


Caros amigos, deixo essas alegações para suas respostas com intuito, sem sombra de dúvidas - algo errado no mundo quando este tenta desqualificá-la.


Pense: Existem hoje reis, onde Deus não queria no passado, pois ele se faziam através do profeta presente, mas os homens israelitas negaram-lhe o conselho.


Onde iremos saber que tudo que foi instituído no nosso meio, encontramos, nesta que vos apresento. Profetas, escritores, reis, juízes, sacerdotes, anciãos, etc.,etc.,etc.


Tudo apresentado nela, e sem ela, nem talvez conseguiríamos conhecer. Alguém como a autoridade do que Paulo nos trouxe, entenderia, sem que nos fosse mostrado de maneira clara e objetiva.


E o que dizer do livros de Atos, do que os discípulos fizeram e seus testemunhos que oculares presenciaram - Jesus Cristo. 


Penso ter muita mais coisas para relatar aqui, mais e mais, contudo, deixarei para vossa meditação, onde não quero me fazer o dono da verdade. Mas uma coisa é certa, sua verdade jamais será destruída por quem quer que seja, continuará seus escritos verdadeiros. [G].


Um blog abaixo da média, mas além dos fatos.





Serão permitida reprodução total quanto parcial, onde poder ser incluídos textos, imagens e desenhos, para qualquer meio, para sistema gráficos, fotográficos, etc., sendo que, sua cópia não seja modificada nem tão pouca alterada sua forma de interpretação, dando fonte e autor do mesmo. P.Galhardo.